sábado, 23 de março de 2013

Feliz um ano juntinhos!




Sabe preto, as vezes eu fico pensando naquele dia 23 de março, a exatamente um ano atrás, a gente no meio daquela confusão de gente, tu rindo e soltando alguma besteira no ar, com aquele moletom azul desbotado, com os cabelos grandes e bagunçados, tu parecia tão a vontade.

  Mas eu te confesso que uma das últimas coisas que eu pensei foi que aquele abraço que tu me deu seria tão aconchegante, eu também não pensei que iria te ver de novo e de novo e que aos pouquinhos tu iria ocupar um lugar bem grande na minha vida, ou melhor  ao meu lado.

Tu sabe que hoje eu não consigo imaginar o olhar pro lado e não te encontrar, por que hoje tu não é apenas um “namoradinho”, tu é o meu companheiro, é o meu abrigo quando as coisas estão difíceis, é quem me faz rir quando estou irritada, é quem me da carinho, quem me escuta, que descorda as vezes, que me da amor.

Eu não acho apenas que a gente se soma, mas a gente se completa, por mais que no inicio achássemos que não tinha NADA a ver, hoje dá pra perceber que isso ajuda um a completar o outro, a ensinar o outro e só eu sei o quanto tu amadureceu e o quanto eu amadureci contigo, acho que essa é a primeira vez que eu sei realmente o que é um relacionamento, o que é ter alguém do seu lado que torce por você, que te faz sentir especial e que enfrenta as coisas junto.

Sinceramente eu não achava que teríamos essa conexão tão forte, eu não achava que ia durar e eu não achava que ia gostar tanto de ti, mas tu conseguiu, tu conseguiu me conquistar, tu teve toda paciência do mundo comigo, aos pouquinhos, dia-a-dia, eu fui te conhecendo mais, o que outras pessoas talvez não virão, (sorte minha!), eu vi, e agora eu não abro mão de ti.

Preto a intimidade que a gente construiu é linda, por que eu sei que a gente pode ficar em silêncio e não sentir constrangimento, eu sei que não preciso ficar horas me arrumando pra ti me achar linda, (porém não abro mão dos meus rituais, hehe), tu consegue gostar das minhas manias e dos meus defeitos,  eu sei que só tu sabe o quão à vontade a gente se sente um com o outro e que isso nos faz ter toda essa sintonia.

Hoje faz apenas um ano, mas parece que já te conheço a muito mais tempo e eu sei que mais alguns anos ainda virão pela frente, eu sempre te digo que não posso prever o futuro, mas eu sei que quero ficar contigo, do teu lado.    
Te amo muito William Meier.

                             Shayane Azevedo dos Passos.






"Muda, que quando a gente muda o mundo muda com a gente. A gente muda o mundo na mudança da mente. E quando a mente muda, a gente anda pra frente E quando a gente manda, ninguém manda na gente. Na mudança de atitude não há mal que não se mude, nem doença sem cura.Na mudança de postura a gente fica mais seguro.Na mudança do presente a gente molda o futuro.."


Gabriel o Pensador